Marketing de conteúdo

Por marketingchef
27 de novembro de 2019

Você sabia que os seus clientes atuais são uma valiosa estratégia para aumentar o seu faturamento? Conheça os benefícios do marketing de indicação e aprenda como fazer.

O marketing de indicação nada mais é do que a recomendação do seu negócio feita pelos seus clientes atuais para amigos. Quando alguém quer uma indicação de um restaurante, é provável que peça uma indicação para alguém de sua confiança.

Se você tem um estabelecimento, certamente já ouviu de algum novo cliente que chegou ali indicado por alguém. Rodrigo Noll, especialista em marketing de indicação, em sua palestra no RD Summit 2019, fala da importância dessa estratégia e salienta que ela serve para qualquer negócio. 

Sem fazer quase nada e com custos baixíssimos, você pode ter muitos resultados se incluir essa estratégia no seu plano de marketing para restaurantes. Ficou interessado? Leia esse artigo para conhecer os benefícios e como fazer marketing de indicação.

Os benefícios do marketing de indicação 

As pessoas perguntam para amigos e familiares quando querem recomendações sobre lugares, serviços e especialistas e costumam seguir esses conselhos. Clientes satisfeitos divulgam seu negócio por meio do marketing de indicação. 

Para Rodrigo, esse é um dos grandes benefícios dessa estratégia: “Cliente bom, traz cliente bom”, diz ele. Um programa de indicação traz pessoas que têm a ver com o seu negócio. Afinal, segundo o especialista: “Ninguém recomenda fraldas para quem não tem filhos.”

Como fazer o marketing de indicação

O primeiro passo é encontrar os clientes satisfeitos, mais propensos a fazer indicações. Para isso, Rodrigo recomenda usar o Net Promoter Score (o NPS) e selecionar aqueles que dão notas 9 e 10 para o seu produto ou serviço — são os promotores.

A melhor maneira de fazer com que seus clientes atuais indiquem o seu negócio é oferecer uma experiência excepcional. No entanto, ainda que satisfeitos, eles precisam de uma motivação para divulgar o seu negócio. Para isso, é importante seguir os 4 passos que Rodrigo sugere para fazer o marketing de indicação.

Defina a recompensa

Para Rodrigo, a recompensa é o ponto-chave do programa de indicação — o que incentiva alguém a recomendar o seu estabelecimento. Não se trata de tentar subornar seu cliente, mas oferecer um prêmio que tenha a ver com o seu público-alvo.

“A melhor forma de premiar é com algo que melhore a experiência do seu cliente com o seu produto ou serviço”, diz Rodrigo.

Escolha uma mecânica

Escolher uma mecânica nada mais é que decidir quando vai premiar os seus clientes pelas indicações que trouxerem.  

Ajude os clientes a indicarem

Para Rodrigo Noll, é importante ajudar os seus clientes a fazer a indicação. Por exemplo, comunique a eles as características das pessoas que devem trazer. 

Conheça os momentos-chave

Rodrigo finaliza a palestra, lembrando que existem momentos que os clientes estão mais propensos a fazerem indicações. Identifique quando o seu cliente demonstrar satisfação e entre em ação pedindo para que indique o seu negócio. 

O especialista lembra, ainda, que mais importante que definir a ferramenta que irá usar no marketing de indicação, é a estratégia utilizada. Um programa de marketing de indicação deve funcionar para sua marca. Por isso, é importante conhecer seus clientes para entender o que faz com que eles indiquem o seu negócio e poder oferecer as recompensas que desejam. 

O marketing de indicação ajuda a levar seu negócio para o próximo nível — uma estratégia que atrai novos clientes com ações simples e custos quase nulos.