Redação Marketing Chef
Por Redação Marketing Chef
13 de October de 2019

Todo restaurante de sucesso deve ter um plano de negócios para trilhar os melhores caminhos de crescimento e atingir os resultados esperados. Ter um planejamento estratégico de marketing também é essencial para ajudar a organização e ter mais clientes no seu estabelecimento.

O primeiro passo é saber o que é um plano de marketing. Então vamos lá! Esse é o processo do time de marketing para definir sua estratégia, de acordo com as diretrizes da empresa, auxiliando na tomada de decisões sobre alocação de recursos para executar o que foi planejado.

Pensando nisso, criamos um passo a passo para você montar o Plano de Marketing do seu restaurante. Confira:

1. Defina o público do seu restaurante

Para um planejamento estratégico de marketing ser efetivo, o seu restaurante precisa ter um público alvo definido. Com essa informação será muito mais fácil pensar quais serão as estratégias a serem aplicadas que irão trazer maior retorno para seu negócio.

De modo geral, chamamos de personas o perfil ideal de cliente que compra o seu produto ou serviço. Muitas empresas criam um personagem fictício para tanto o marketing quanto os outros departamentos saberem quem realmente é seu cliente.

Parece ser uma tarefa fácil, mas a verdade é que muitas empresas acham que conhecem o seu cliente mas nem sequer conversaram com alguns para entender a real dor que eles sentem quando compram o seu produto.

Clique aqui para saber o passo a passo para criar as personas do seu negócio!

2. Escolha os canais de comunicação

Após realizar a pesquisa e montar a persona ideal, você saberá quais são os canais que eles mais buscam informação quando enfrentam um problema ou buscam a solução que você oferece.

No planejamento estratégico de marketing escolher os canais baseados nessa pesquisa é fundamental para não dar “tiro no escuro”. Testar canais que não foram mencionados paralelamente é interessante para inovar e ficar à frente da sua concorrência.

No marketing digital, você pode usar esses seguintes canais:

  • Blog
  • Redes Sociais
  • E-mail Marketing
  • Mídia Paga
  • Vídeos
  • Podcasts
  • Webinars

Nas mídias tradicionais (não menos efetiva, mas mais difícil de mensurar e segmentar), você pode optar também esses canais:

  • Televisão
  • Rádio
  • Jornais
  • Revistas
  • Eventos
  • Patrocínio
  • Mídia indoor e outdoor

3. Conheça o Mercado

Outro fator importante em um planejamento estratégico de marketing é compilar uma pesquisa de mercado sobre a solução que sua empresa oferece.

Conhecer como o seu concorrente está atuando no mercado e seus diferenciais é uma informação que um planejamento estratégico de gestão bem feito pode te dar. Aplicando no marketing, você pode pesquisar quais canais o seu concorrente está usando, qual o diferencial nas campanhas de marketing, estratégia de conteúdo etc.

Para um profissional de marketing pode ser difícil reconhecer que seus concorrentes estão realizando ações de marketing que os deixam a frente da sua empresa. Deixar isso de lado e estudar a fundo o que eles estão fazendo de melhor, no final trará bons resultados para seu negócio.

A nossa dica é fazer uma tabela em uma planilha com todos os diferenciais que as outras empresas estão aplicando que podem dar certo para a sua empresa e anexar no planejamento estratégico de marketing

4. Objetivos do Plano de Marketing

Agora que sua empresa sabe qual é o seu público, os principais canais de marketing e também as referências no mercado, deve-se traçar quais serão as metas e objetivos a serem alcançadas.

Em geral, um planejamento estratégico de marketing não tem um período de duração dito como certo para aplicar na sua empresa. Existem planos trimestrais, semestrais, anuais e até mensais. O fundamental é estabelecer qual será o período no seu negócio para mensurar os resultados.

Pense no objetivo: o que sua empresa deseja alcançar nesse período definido? São mais oportunidades de vendas? Aumentar o tráfego do seu site? Melhorar a conversão dos visitantes? Gerar mais leads?

Definido, você deve pensar quais são as metas que vão te levar a alcançar esse objetivo. As metas devem ser métricas mais palpáveis como: Aumento de 10% ao mês de tráfego orgânico, entrega de 20 oportunidades para o time de vendas por mês, geração de 80 leads por mês, etc.

Lembre-se de estar alinhado com os objetivos da sua empresa e também do time de vendas para o negócio todo crescer e atingir os melhores resultados.

5. Mensuração de Dados

Tão importante quanto criar um planejamento estratégico de marketing é acompanhar se o que foi planejado realmente está sendo executado e alcançando as metas estipuladas.

Muitas empresas erram já que somente olham o resultado quando acaba o período do planejamento. Estar sempre atento as métricas é importante, pois se algo está dando muito errado, você pode corrigir antes que estrague a meta final.

Essa correção tem que ser feita de acordo com o que foi planejado, pois outro erro comum é as pessoas quererem mudar todo o planejamento estratégico porque não está indo como previsto. Isso atrapalha tanto no foco quanto no feedback após acabar a execução do planejamento como um todo.

Para ajudar, listamos algumas das principais métricas que devem ser usadas para mensurar resultados:

  • Visitantes ou tráfego do site
  • Taxa de conversão
  • Nº de Leads gerados
  • Custo por Lead
  • ROI (retorno sobre investimento)
  • Número de Visitantes (pode medir por canal)

Já sabe tudo sobre o que é Planejamento Estratégico de Marketing? Agora é só criar o seu!