20 ago, 2018

Qual mídia devo investir no meu negócio?

por mktchef em Conteúdo

Qual comunicação investir? Você provavelmente já deve ter feito essa pergunta algumas vezes, correto? Como muitas empresas vem com essa dúvidas, decidimos falar um pouco sobre os diferentes tipos de mídia.

Hoje em dia com tantos meios de comunicação disponíveis no mercado, é normal que esse questionamento venha à tona. Mas o primeiro ponto a se pensar é onde você quer chegar. Qual o objetivo da sua empresa no presente momento? Aumentar visibilidade, lançar um novo produto ou vender mais? Dentre os diversos objetivos que existem o mais famoso é o vender mais! Claro e obvio!

Mas para vender mais não basta somente uma boa comida, todo profissional da área deve saber que há por trás disso um grande investimento em cima mídia alinhado com uma comunicação assertiva. Explicando de uma forma mais clara, quanto mais você investe, mais você aparece! E sendo assim, quando mais você aparece, mais você é lembrado 🙂

Segundo passo é entender um pouco melhor o que cada ferramenta de mídia pode oferecer para o seu estabelecimento, dentre elas existem as online e as offline. Abaixo um pouco sobre cada uma:

Facebook

O Facebook sempre teve o objetivo de conectar pessoas e estabelecer a comunicação entre elas. Com o tempo, muitas empresas viram grandes oportunidades de estabelecer relação com o seu público final através rede social e assim conseguir destaque na mente do consumidor.

Com o aumento da concorrência nesta ferramenta e consequentemente de pessoas, o Facebook passou a restringir as publicações de algumas páginas. Se você analisar, somente as publicações no qual interage são as que aparecem mais na sua timeline, e isso serve tanto para perfis pessoais (de amigos) quanto de empresas que você curte.

Sendo assim, ficou mais difícil para empresas mostrarem seus produtos ou promoções na rede de forma orgânica, ou seja, sem patrocinar postagens.

Dentre outras atualizações do Facebook, tudo que ele lança, provavelmente é o que melhor obtém resultados efetivos na rede, como por exemplo vídeos! Os vídeos nativos da plataforma conseguem ter um melhor alcance do que um post com uma imagem destacada por exemplo.

O importante é sempre ter conteúdo interessante para que cada vez mais a marca consiga trazer seguidores e em conjunto trabalhar uma boa estratégia de anúncios que te auxiliarão no objetivo do momento.

Para fazer os anúncios no Facebook, não há um mínimo para se investir e sim fazer uma pergunta: Quanto cabe no seu bolso?

O escolha do valor da verba não pode interferir no desempenho do seu negócio, e deve assim respeitar o crescimento do mesmo. Hoje com apenas R$10,00 por dia é possível fazer uma movimentação na rede social e obter resultados. Com a verba definida e um bom planejamento é possível obter resultados tangíveis na rede.

Instagram

Fotografia fala mais alto nesta rede social para o setor gastronômico! O Instagram trabalha muito o mais o visual do que escrito, então o grande segredo são fotos e vídeos produzidos com o máximo de qualidade possível, seja na produção de cena ou na qualidade da própria foto.

A rede social também trabalha da mesma forma que o Facebook, posts mais relevantes para você acabam aparecendo mais em sua timeline e sendo assim vem a dependência de patrocinar posts para alavancar o alcance da rede.

Lembre-se que definir o público que se quer atingir é crucial para que a rede social te traga um retorno. Portanto, publique conteúdo relevante e use boas imagens e vídeos, invista nesta produção.

YouTube

O Youtube está mais presente em nossas vidas do que você pode imaginar. Pouco conhecida pelos empreendedores, a rede social cresce cada vez mais! Acredita nisso? Pois é, a forma como as pessoas tem consumido conteúdo tem mudado bastante e para isso o Youtube tem sido um grande aliado!

Primeiro porque ele tem um fácil acesso pelo mobile, segundo que ele possuí diferentes tipos de anúncios e terceiro, você só paga quando o anúncio após o tempo determinado na plataforma ou se o usuário visualizou até o final seu vídeo. Massa, não?

Como para programar o seu anúncios é necessário ter uma conta do Google Adwords, a premissa é igual para quem já faz links patrocinados. Quanto mais investir, mais você vai aparecer. Porém você deve usar uma verba que não irá afetar seu faturamento no fim do mês.

Links Patrocinados

Os links patrocinados são anúncios em forma de texto que aparecem nos buscadores como Google e Yahoo. No caso quando alguém faz uma busca de algo especifico na internet, seu anúncio pode aparecer em uma das primeiras posições para ele.

Os valores a serem pagos por eles dependem muito da palavra-chave configurada na sua campanha, sendo que cada uma tem sua vantagem e característica.

Investir em links patrocinados é ideal para quem está começando e não quer arriscar demais. Além disso, a ferramenta é simples de fazer a mensuração de resultados, como também calcular o retorno de investimento.

Mas lembre-se que fazer o marketing digital não é investir apenas em uma ferramenta, e sim fazer todo um bom planejamento contemplando aonde seu público pode fazer a busca pela sua empresa.

Para grandes negócios, já consolidados, os links patrocinados não deixam de ser um braço na estratégia digital.

Muitos empreendedores executam estratégias em partes e não chegam no resultado final. É necessário criar uma campanha no marketing digital que atenda cada canal de acordo com seus públicos e com a imagem que a marca deseja transmitir. Por isso, é fundamental a ajuda de um profissional da área para estar sempre atualizado ou simplesmente para não aplicar ações de forma errônea. Marketing digital não é mágica, exige planejamento, execução e consistência precisos para dar resultados.